sábado


Blogosfera


Não mais por hipérboles


Se a mulher nada mais é do que vítima de acusações descabidas, em suma, de monstruosa injustiça -- como alguns, certamente, crêem --, por que, então, as pessoas que agora a "ajudam" não podem ter seus nomes revelados ?

Pensem bem, meus caros, um dos motivos da suposta "discrição" não seria a natureza da ajuda?

Que vexatório, não, se se descobrisse que aquele(a) blogueiro(a) que agora "aparece em jornais" (sonho mal-disfarçado de muitos), se presta a servicinhos próprios de capatazes e estafetas ?
Pode-se facilmente supor o tipo de auxílio solicitado por uma pessoa que todos sabem ser manipuladora, dada a fazer intrigas e promover discórdia .

Por que as pessoas se prestam a isso : a ser títeres nas mãos de uma mau-caráter notória ?
O rabo preso (abomino a expressão, mas vai ela mesmo) implicaria débito maior do que os nada inocentes bombons de cupuaçu ?

Medo?! Li depoimentos, blogosfera afora, dando conta de que as pessoas a temem . Soa ridículo, mas faz um bruto sentido . Penso no que ocorreu comigo . Na época do Collectanea, quando me enchi das tentativas de manipulação e me vi na saia justa de nada poder fazer no caso do blog deletado , uma das ameaças que recebi dessa mulher foi a de que se eu comentasse com outros blogueiros (então, aqui linkados), o que ela havia aprontado, ela me "queimaria no blogverso" (sic) .
Para vocês verem como a criatura deita e rola no apoio recebido dos "bondosos" (penso que alguns, verdadeiramente, o sejam) , para vocês avaliarem como esse "respaldo" (em muitos casos, suspeito) dá à mulher uma desmesurada sensação de poder .

Bem, a ameaça em questão pareceu-me mesmo pífia . Não era "blogverso"(sic) o que me preocupava . Temi -- ingenuamente, agora penso -- por não poder dimensionar o poderio maligno dessa pessoa (para quem ainda não leu, vale buscar se informar sobre as barbaridades ocorridas na Samba & Choro; aqui, se fala sobre o assunto) .
Muito antes disso, já ouvíamos falar de incontáveis casos de pessoas que foram prejudicadas por dementes que agem na Internet . Temi por minha família, por minha empresa . Temi .

Situação pretérita, enfatizo . Tomei uma decisão bem séria . Nesses casos de vileza explícita, não falarei mais por metáforas .

Os participantes da lista "Samba e Choro", prejudicados por essa pessoa, ao que parece, não levaram o caso adiante . Eu, de meu lado, deixo claro : se algum prejuízo me for infligido, não pensarei duas vezes em processar os envolvidos .

Enquanto ela ficar lá, produzindo seu "nada cúbico" (tomo de empréstimo a expressão de outro consternado com a eterna volta da bibliotecária), enquanto ela ficar lá, sem causar danos ... ora, que fique ; não vou pôr em questão o gosto de ninguém (que confundam habilidades ganhas na práxis bibliotecária com erudição - se informação, por si só, fosse poder os blibliotecários já teriam dominado o mundo, não é, William Gibson? - ou que vejam sensibilidade aguda na mais espalhafatosa cafonice) . Agora, o que eu chamo de "complacência para com os sem-ética", bem, tenho fé de que essa percepção também venha a se adensar naqueles que de fato importam .

Sei que o tom é duro . E, francamente, não gosto de usá-lo (quem me conhece sabe em que nível de saturação eu me encontro quando o adoto), mas tudo isso que tardei tanto em extravasar, precisa ficar registrado aqui .


* * *

Claro, há males providenciais !

[ Excerto de correspondência II ]

(Sobre por que, de 2002 para cá, o espectro de 'elos' e leitores do Periplus ampliou-se, tornando-se imensuravelmente mais interessante)

"(...) O que vi construir-se nesse universo que se convencionou chamar de "blogosfera brasileira" foi-me desgostando cada vez mais . Se no real, fujo de fofocas e intrigas e de gente louca por holofotes, por que admitiria "conviver" com isso no virtual ?"


* * *

* Nada Cúbico II

Eis que novamente surge a deixa para reiterar a importância da leitura deste conto modelar :

"Josefina, a Cantora ou o Povo dos Camundongos", de Franz Kafka -- esse , que foi dos mais hábeis perscrutadores das mazelas humanas .

O fiapo de voz da camundonga (pretensa diva) , no que soa de portentoso à massa de "súditos", afigurar-se-á -- a alguns -- bastante familiar .


* (Expressão usada por um meu correspondente)



Marcadores: , , ,

quinta-feira

Lançamento em SP

Zappa ganha livro-tributo




O jornalista Rodrigo Carneiro convida para o lançamento de Zappa - Detritos Cósmicos (Conrad Editora), hoje , a partir das 18h30, na Livraria da Vila .

Organizado pelo jornalista Fábio Massari, o livro rende homenagem ao músico norte-americano Frank Zappa (falecido em 93) através de textos e ilustrações de 38 autores .
Além de Carneiro, participam do tributo : Fernando Bonassi, Allan Sieber, Caco Galhardo, Kid Vinil, Evandro Mesquita, Clara Averbuck, entre outros .

Livraria da Vila
Endereço : Rua Fradique Coutinho, 915, Vila Madalena
Entrada franca .


* * *

Leia matéria de Jotabê Medeiros publicada no Estadão [=]



Marcadores: , , ,

domingo

Update

No ar

Vídeo-reportagem sobre Germinar - programa do Instituto EcoSocial

Germinar: Jayme Brasil Garfinkel, vice-presidente executivo da Porto Seguro, durante entrevista


A vídeo-reportagem que dirigi sobre o Germinar -- programa do Instituto EcoSocial de Desenvolvimento de Líderes Facilitadores -- já está disponível na Internet [ assista aqui ] .

Os depoimentos que colhemos durante o I Encontro do Germinar, que aconteceu em Caruaru (PE), em fevereiro do ano passado, dão conta de como participantes de diversas regiões do País, ligados a iniciativas sociais (ONGs, cooperativas, institutos, etc.), têm-se beneficiado dos conhecimentos adquiridos com o programa --inspirado no curso de Formação de Líderes para o Futuro da Adigo .
O próximo encontro acontece em maio, em Salvador (BA) .


* * *


O site do Instituto EcoSocial é uma criação do Estúdio Helme .



Marcadores: , , , , , , , ,

sexta-feira


Arrumação

Artesanato de Embu das Artes - Foto por Adriana Paiva

Embu das Artes, SP (2006)



Vocês, certamente, já devem ter notado que os 'feeds' deste blog estão para lá de esquisitos .
Como assim, indagar-se-ão os senhores, post de 2002 aparecendo na frente de outro da semana passada ? Isso ocorre porque estou atualizando os links .

Abri mão do domínio "verveweb.com", o primeiro que registramos (por volta de 1998, ainda pela americana InterNic) e onde, até há alguns meses, mantinha arquivos da Kalix Magazine e, eventualmente, hospedava imagens .
O verveweb.com.br , hospedado na Locaweb desde 2001, segue sendo o principal site da Verve Comunicação .

Como, desde o início, publico no Periplus arquivos exclusivos e bastante acessados por visitantes vindos, sobretudo, de sites de buscas , achei que seria de um desperdício inadmissível não reparar os links de modo a que esse conteúdo pudesse continuar a ser acessado .
Visto que aproveito brechas em meu trabalho para fazer essas atualizações (dos marcadores, inclusive) , por um bom tempo ainda, os 'feeds' não serão as melhores fontes para a leitura deste blog . Tenham calma .





Marcadores: , , ,

domingo


Videoteca


"London, London" - Cibelle & Devendra Banhart

Releitura presente no segundo álbum da cantora -- The Shine of Dried Electric Leaves .
O dueto se repetiu fevereiro passado no palco do Carnegie Hall .



Marcadores: , , , ,

sábado

À procura do nada



Foto por Jean Baudrillard - São Paulo, 1988

"Resistir ao ruído, à palavra, ao rumor pelo silêncio da foto - resistir ao movimento, ao fluxo e à aceleração pela imobilidade da foto - resistir ao desencadeamento da comunicação e informação pelo segredo da foto - resistir ao imperativo moral do sentido pelo silêncio da significação - resistir acima de tudo à enxurrada automática das imagens, à sua constante sucessão, ou ao que se perdeu."

(J.B. - Paris, 2000)


B.A.U.D.R.I.L.L.A.R.D




quinta-feira


Do Flickr para blog próprio

Vitor Ramil fotografado por Thiago Piccoli

Vitor Ramil fotografado por Thiago Piccoli

"O Passeio da Boa Vista" reúne trabalho de fotógrafos amadores descobertos no Flickr .
Leia aqui [=]




Marcadores: , , , , , ,

segunda-feira


Excerto de correspondência

Tristes pessoas essas que perdoam tão facilmente os maus .



Marcadores: , ,

domingo

Leituras dominicais


A jornalista e poeta gaúcha Angélica Freitas -- que lança, nos próximos dias, seu primeiro livro (Rilke Shake) -- hoje, na Revista da Folha, com poema inspirado em fotografia de Cristiano Mascaro -- homenagem do jornal ao Dia Internacional da Mulher (08/03) :


Praia simples

foto de Cristiano Mascaro - Ilha Comprida , 1999

"Ilha Comprida" (1999) - Foto de Cristiano Mascaro


Oito mil quilômetros de areia pras garotas brasileiras, eu dizia
e você sorria como sua avó nas fotos, naquele maiô preto
nas praias de Santos
sua avó devia arrasar naquele tempo, eu dizia
e você sorria, pára com isso

uma dinastia de mulheres moldadas nos melhores biquínis
uma dinastia de mulheres dispensando automóveis
pra caminhar nas praias sem havaianas

estou com você, mas minha avó era tímida

também era muito branca

caminho na praia disfarçando o sem-jeito
que não deu pra encobrir com modelitos.

. . . . . . . .

Nos outros "duetos", os escribas Sérgio Roveri, Cecilia Giannetti, Ruy Castro e os fotógrafos Bob Wolfenson, Florence Gaty e João Wainer .

* * *

Angélica Freitas, 33, poeta e jornalista, autora de Rilke Shake

Angélica por sua irmã Renata . A imagem ilustra a capa de Rilke Shake


família vende tudo


família vende tudo
um avô com muito uso
um limoeiro
um cachorro cego de um olho
família vende tudo
por bem pouco dinheiro
um sofá de três lugares
três molduras circulares
família vende tudo
um pai engravatado
depois desempregado
e uma mãe cada vez mais gorda
do seu lado
família vende tudo
um número de telefone
tantas vezes cortado
um carrinho de supermercado
família vende tudo
uma empregada batista
uma prima surrealista
uma ascendência italiana & golpista
família vende tudo
trinta carcaças de peru (do natal)
e a fitinha que amarraram no pé do júnior
no hospital
família vende tudo
as crianças se formaram
o pai faliu
deve grana para o banco do brasil
vai ser uma grande desova
a casa era do avô
mas o avô tá com o pé na cova
família vende tudo
então já viu
no fim dá quinhentos contos
pra cada um
o júnior vai reformar a piscina
o pai vai abrir um negócio escuso
e pagar a vila alpina
pro seu pai com muito uso
família vende tudo
preços abaixo do mercado

( In: 'Rilke Shake' - Ed. CosacNaify / 7 Letras)


Locais e datas de lançamento :

Rio de Janeiro:
Sábado, 10 de março, às 10h
Livraria Berinjela
Av. Rio Branco, 185 – Subsolo – Loja 10
Tel : (21) 2215-3528

São Paulo:
Segunda-feira, 12 de março, às 20h
Bar Balcão
R. Dr. Melo Alves, 150
Tel: (11) 3063-6091

Leia também:

Três poetas : A radicalidade da nova geração - Texto de Carlito Azevedo .




Marcadores: , , , ,