terça-feira

Das interseções


Pensei que não me aborreceria com a questão das "interseções" no Twitter . Sobre o que estou falando ? Bem, refiro-me aos contatos de seus contatos dentro de uma dada rede ; neste caso específico, àquelas pessoas com quem você - por motivos quaisquer - não se relaciona e nem tem interesse em fazê-lo.
Já que no Orkut nunca aborreci-me - muito menos por esse motivo -, por que (pensei) aborreceria-me no Twitter ?

Tenho usado o Twitter para fazer 'networking', enviar sugestões as mais diversas, comentar notícias, conversar com quem tenho afinidades (gente que conheço de vários lugares ou apenas da Internet), enfim, para trocar idéias.

O episódio que me estressou e redundou em bloqueio da pessoa em questão começou assim:

Fiz um comentário sobre o trânsito que havia pego do Jardim Botânico (ou da Lagoa, não lembro agora) até a Barra da Tijuca - bairro onde meus pais moram, aqui no Rio.

E essa pessoa a quem não sigo e que me segue no Twitter - sem que eu, em momento algum, tivesse me referido a ela - , veio com uma citação chula, preconceituosa e desagradabilíssima de Nelson Rodrigues sobre a Barra da Tijuca.

Claro que me aborreci . Foi rude e desnecessário o que ele, a tal pessoa, escreveu .
Enviei uma mensagem em 'pvt' por ali mesmo comentando o quanto tinha achado grosseira a citação. Escrevi mais ou menos nestas palavras (não lembro onde salvei as mensagens trocadas) : "Nossa, fulano! Há anos (anos mesmo!) não nos falamos e quando isso acontece é com essa sua citação grosseira !"
É bom frisar aqui que ele referiu-se a mim e não eu a ele; quer dizer, então, na verdade, nem houve uma conversa. Em outra mensagem, também em 'pvt', lembrei que sempre o tinha tratado respeitosamente e voltava a dizer que não tinha entendido a "tirada".

Como demorei a receber a resposta e estava mesmo furiosa com o acontecido -- já que ele tinha se referido a mim e era lido não apenas por mim mas também por nossos contatos em comum, num impulso e sem mais ponderações, resolvi bloqueá-lo.

Mais tarde, ele me respondeu, também em 'pvt':

"Como disse o falecido: Why so Serious?? Essa conexão Barra-SP lhe tirou todo e qualquer humor, se é que tinhas! Block aceito :-))) "

A situação toda foi extremamente desagradável, mas resolvi comentá-la aqui . Primeiro por prezar os contatos que eu e essa pessoa temos em comum, depois, para não dar margem a distorções.


Não dou espaço para que venham impor-se grosseiramente a mim.
Em todos os meus círculos (sociais, profissionais, virtuais) trato a todos educadamente. Ali mesmo, no Twitter, dou feedback sempre que percebo que alguém se referiu a mim.

Acho estranho que uma pessoa que siga outra no Twitter sem obter reciprocidade durante meses, continue seguindo-a mesmo assim .





Marcadores: , , , ,

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial